Helsinque, Finlândia – Helsinki, Finland

on

[For English version, Scroll down ]

A capital da Finlândia, é uma cidade costeira relativamente pequena em área. Quase toda a cidade é plana, por isso a bicicleta é bastante utilizada como meio de transporte pelos habitantes locais. Em maio de 2016, lançaram um sistema de aluguel de bicicletas que ficam espalhadas por toda a cidade, que você pode alugar por horas fazendo um cadastro online e pagando com cartão de crédito.( Hsl.fi/citybikes).

IMG_1378_edited

Essa é uma das melhores maneiras de conhecer a cidade, que é cheia de ciclovias espalhadas pra todo lado e te dá liberdade total para fazer as rotas. E de quebra você queima as calorias que adquiriu comendo as iguarias locais.

Um dos mais agradáveis passeios que fiz na cidade foi de bicicleta, descendo do mercado em direção a oeste, seguindo a ciclovia por toda a região costeira, passando em frente às áreas portuárias, passando pelo Brunnsparken e continuando até o pier. Pelo caminho você pode ir dando umas paradinhas nos vários cafés que tem na região.

Os finlandeses tem costume de comer muito peixe, especialmente salmão. Recomendo fazer uma refeição ali na praça do mercado (Kauppatori) , naquelas barraquinhas que ficam montadas na primavera e no verão ou também dentro do mercado, que é essa construção bonita da foto abaixo.

IMG_1425_edited

O mercado de qualquer maneira vale a pena visitar, lá dentro a decoração é elegante e o lugar é bem organizado, com mesinhas para refeições e cheio de opções deliciosas para comer e beber.

Outra comida típica aqui é a carne de rena, mas essa eu recomendo procurar um restaurante especializado em culinária local, é uma carne muito saborosa, de sabor suave e bem macia, lembra bastante um filé mignon de vaca. Eu experimentei no “Ravintola Aino”, que fica perto do Kauppatori, na Pohjoisesplanadi, 21.

IMG_1388_edited

É sempre bom saber os horários em que os restaurantes estão abertos, para não correr o risco de dormir sem jantar. O que pude observar em Helsinque é que as pessoas costumam almoçar a partir das 12:00 até no máximo 14:00 (mas sempre existem outras opções abertas, como lanchonetes por exemplo) e o horário de jantar vai das 19:30 até 22:00, com raras exceções. Muito difícil encontrar algum restaurante que receba clientes para jantar após esse horário mesmo nos fins de semana, então agende-se!

Na minha viagem, fiquei 5 dias em Helsinque, mas realmente achei que foi tempo demais, pois a cidade é pequena e não tem muita coisa pra se ver. Minha recomendação (e inclusive a recomendação dos próprios finlandeses com quem conversei) é de passar 1 ou no máximo 2 dias na cidade.

O inglês é bem falado pela grande maioria dos cidadãos, então a comunicação não chega a ser um problema por aqui. A conectividade na cidade é excelente, com wi-fi pública nos principais pontos turísticos e em todos os restaurantes e cafés, às vezes você vai precisar pedir senha mas geralmente está escrito no próprio cardápio ou em algum lugar bem visível.

A vida noturna local é bem morna, nos dias de semana quase não se vê gente nos bares e cedinho as ruas ficam bem vazias. A área de concentração maior de bares e restaurantes é a praça em frente a estação central e arredores, se você estiver na cidade em um final de semana, vale a pena procurar algum barzinho nessa área.

Principais pontos turísticos:

  • Mercado e sua praça (Kauppatori)
  • Catedral Uspenski
  • Praça do Senado
  • Igreja Temppeliaukio
  • Museu Nacional
  • Catedral de Helsinque
  • Estação central de Trens
  • Kiasma (museu de arte)
  • Monumento Sibelius
  • Zoológico (Korkeasaari)
  • Oceanário (Sea Life)
  • Suomenlinna (Fortaleza)

Para mais fotos, entre no meu Instagram: @fabinomundao


[English Version]

The capital of Finland is a relatively small coastal city in area. Almost the entire city is flat, so the bikes are used a lot as a transportation means by the local population. In May, 2016 they started a system of bike reantals that can be found all around the city, and you can rent it by hours, making a register online and paying by credit card. (Hsl.fi/citybikes)

IMG_1378_edited

That is definetly one of the best ways of knowing the city, that is full of bike paths spread all around and gives you total liberty for making your own routes. And as a bonus you burn all that calories of eating the delicious local foods.

One of the most pleasant tours that i did in the city was by bike, going south from the market region an than west, following the bike paths through all the coastal region, passing by the port areas, passing by Brunnsparken and continuing until the pier. In the way you can make little stops in the various cafés that are in the area.

The Finns have the habit of eating a lot of fish, specially salmon. I recommend doing a meal in the market square (Kaupattori), in one of the food stands that they install in spring and summer, or also inside the market, that is that beautiful building of the picture below.

IMG_1425_edited

The market, anyway worth the visit. Inside, the decoration is elegant and the place is well organized, with tables to sit and eat and its full of delicious options to eat and drink.

Another typical food here is reindeer meat, but for that one i recommend looking for a restaurant specialized in local food. It is a very tasty and soft meat, seems a lot like a beef filet mignon. I went at “Ravintola Aino”, that is near Kauppatori, at Pohjoisesplanadi, 21.

IMG_1388_edited

It’s always good to know the time that the restaurants are open, so you don’t sleep without dinner. What I could observe in Helsinki is that people normally have lunch about 12:00 until 14:00 (but there is always many options available, like fast food) and the hours to have dinner is between 19:30 and 22:00, with rare exceptions.It’s very hard to find any restaurant open after this time, even in the weekends.

In my trip I stayed 5 days in Helsinki, but I really thought it was too many days, because the city is not so big and there is not a lot of things to see. My recommendantion (and also the recommendation of the Finns I talked to) is to spend 1 or at maximum 2 days in the city.

English is well spoken by most of the population, so comunication won’t be a problem around here. The connectivity in the city is excellent, with public wi-fi in the main turistical places and in all of the restaurants and cafeterias. Sometimes, you will have to ask for a password but generally is written in the menu or in some visible place.

The nightlife here is a bit slow, on weekdays you almost don’t see people on bars an the streets are empty pretty soon. The biggest concentration area of bars and restaurants is the square in front of the main railway station and around. In weekends the area is specially full of people.

Main Turistical places:

  • The Market and it’s square (Kauppatori)
  • Uspenski Cathedral
  • Senate Square
  • Temppeliaukio Church
  • National Museum
  • Helsinki Cathedral
  • Main Railway Station
  • Kiasma (Art museum)
  • Sibelius Monument
  • Zoo (Korkeasaari)
  • Oceanary (Sea Life)
  • Suomenlinna (Fortress)

For more pictures, my Instagram: @fabinomundao

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *